Casa de Farinha de Sambaquim é reativada após dez anos

Postado em 13 de Fevereiro de 2020 ás 00:37

O Governo Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e da Infraestrutura, tem investido na comunidade Rural Quilombola Sambaquim. Reativada após dez anos, a casa de Farinha foi inaugurada e entregue aos cidadãos no dia 29 de dezembro de 2019, data das comemorações dos 66 anos de emancipação política de Cupira.


Essa era uma reivindicação antiga dos cidadãos da localidade. Depois de uma década sem produzir a farinha, os cidadãos quilombolas voltam a fazer e comercializar produtos oriundos da mandioca.


Agora, os agricultores têm espaço adequada para a produção da farinha. O plantio, a coleta e o comércio da mandioca e os derivados dela, voltam a fazer parte da rotina, do trabalho e da economia da população de Sambaquim.